Premium Wines
Belo Horizonte - MG - 31 3282-1588
São Paulo - SP - 11 2574-8303

01-abr-17  MERCADO

Novidades do Dão

A PREMIUM acaba de incorporar ao seu portfólio os vinhos Casa da Passarella, que vem se juntar às linhas Somontes e Villa Oliveira, da mesma vinícola.

PortugalTejo (Ribatejo)

O Rio Tejo, próximo à cidade de Santarém

O Rio Tejo, próximo à cidade de Santarém

A Região

A partir de 2009 a região de Ribatejo foi rebatizada como Tejo, para facilitar sua identificação por consumidores de todo o mundo.

Os melhores vinhos provêm de regiões mais altas, onde a produtividade é naturalmente menor e a qualidade maior. A produção predominante é de brancos, principalmente da aromática Fernão Pires, mas outras castas como viognier e alvarinho têm surpreendido pela alta qualidade. São aromáticos e frutados, mas os melhores podem envelhecer muito bem.

Os vinhos tintos geralmente têm intensas cores avermelhadas, podendo ser encorpados e tânicos, com média acidez.

Mapa do Tejo (Ribatejo)

Mapa do Tejo (Ribatejo)

Variedades de Uvas

Brancas

Fernão Pires, Arinto, Chardonnay, Sauvignon Blanc

Tintas

Castelão, Trincadeira, Aragonez, Touriga Nacional

Características

Região com denominação de Origem Controlada DOC, Tejo (antigo Ribatejo) e que compreende as sub-regiões: Almeirim, Cartaxo, Chamusca, Coruche, Santarém e Tomar.

A região é cortada ao meio pelo rio Tejo, e tem grandes variações de solos e relevo.

O clima é sub-mediterrânico temperado com grande influência do rio.

Os solos são principalmente Lezíria, Bairro e Charneca.

A precipitação pluviométrica anual é de cerca de 500-600 mm, favorecendo a produção de uvas viníferas.

História

O Tejo é uma região com fortes tradições na produção de vinho de qualidade, onde a primeira referência está no foral concedido por D. Afonso Henriques em 1170 à cidade de Santarém.

Esta foi sempre protegida por D. Pedro I, D. Fernando, D. Afonso V e D. João II, devido à sua preferência pelos vinhos ai produzidos.

Os Vinhedos

No Ribatejo existem atualmente cerca de 19.989 hectares plantados de vinha (representam cerca de 8.5% do total nacional), dos quais 11.993 ha são de castas brancas (60% da produção) e 7.996 ha são castas tintas (40% da produção), que produzem anualmente, no total, cerca de 800.000 hl de vinho (representam cerca de 12% do total nacional).

Destes 800.000 hl são certificados cerca 76.000 hls dos quais 81% são vinho regional e 19% são vinhos com Denominação de Origem Controlada (DOC).

Cerca de 30% da produção dos vinhos certificados (DOC e Regional) destinam-se à exportação.

As plantações são alinhadas. O sistema de condução tradicional é a vinha baixa, embora a introdução da colheita mecânica tenha introduzido alterações, nomeadamente na altura da vinha.

A produção média total da Região no triénio 2004/05/06 foi de cerca de 804.000 hl, sendo a produção estimada para a safra 2006/2007 de cerca de 639 000 hl.

A produção média situa-se entre os 32 e os 36 hl/ha, sendo o limite máximo definido nos Estatutos da Denominação de Origem de 80 hl/ha. para os vinhos tintos e de 90 hl/ha. para os vinhos brancos

Site

Site www.cvrtejo.pt

Beba com responsabilidade. A venda de bebidas alcoólicas é proibida para menores de 18 anos. Se beber, não dirija.      © 2017 Premium Wines

gerenciarte